Repaginando a Varanda com Banquetas em Junco Sintético

Depois que vi a floreira para a varanda finalmente no seu lugar, vi que aquele espaço ali tinha potencial para virar xodó. Faltava algo. Mas o quê? Afinal, nada mais cabia ali. Às vezes, decorar um espaço com medidas tão restritas é ainda mais difícil que um ambiente grande…

Bem, já mostrei anteriormente aqui no blog que escolhi uma mesa alta e duas banquetas com tampo em mosaico para decorar a varanda.

Com o tempo, entretanto, algumas das pastilhas das banquetas se descolaram. Até entrei em contato com o vendedor, que prontamente enviou todo o material necessário para eu fazer o reparo; mas, alguns meses depois, novamente elas voltaram a soltar-se. Foi aí que decidi que talvez isso fosse uma ‘oportunidade’ para trocar as banquetas, que eram na verdade um pouco desconfortáveis (bonitas, mas o tampo em MDF revestido de pastilhas significava que eram bem duras).

Então fui atrás de outros modelos de banquetas. Dessa vez, queria levar em consideração algo que tivesse a ver com o tom de madeira da floreira, para fazer uma composição mais homogênea, já que o espaço é pequeno. Foi aí que encontrei as banquetas de junco sintético.

O junco sintético é uma fibra sintética que assemelha-se bastante à madeira natural, mas pode ser usada em ambientes externos pois não estraga quando pega chuva e não resseca quando pega sol. O junco é usado para fazer uma extensa gama de móveis como podemos ver abaixo, em alguns exemplos da internet:

moveis em junco sintético

Bem, fui atrás então da minha banqueta alta de junco e aí encontrei, mais uma vez no Mercado Livre, os Móveis da Porto Ferreira, que tinham boas avaliações e eram bem bonitos.

Algumas semanas depois de ter comprado (os móveis sáo feitos sob encomenda, com o tom de madeira que você deseja, a cor do estofado que você quer), as banquetas chegaram… e lindas que só!

banqueta junco porto ferreira

A banqueta é muito confortável e dá um ar ainda mais aconchegante à varanda.

Por fim, decidi que faltava ainda uma nova disposição dos móveis: levei a mesa e as banquetas novas para o lado da floreira, e dessa forma fiz um cantinho que realmente se tornou um dos meus lugares preferidos no apartamento.

varanda pequena decorada

Tomar um café ali numa tardinha amena, não há nada mais gostoso!

E nos dias de festa, eu ainda inventei algo pra dar uma clima diferente. Ao invés de utilizar a iluminação da varanda, coloquei um abajur (sem a cúpula) discretamente atrás da mesa, de forma que a luz viesse de baixo pra cima, iluminando também a floreira de forma inusitada.

O flash da câmera tira um pouco o efeito, mas dá pra ter uma ideia:

varanda aconchegante

IMG_5394

E pronto! Ambiente completamente renovado, apenas trocando as banquetas e mudando a disposição das coisas ali. Com um pouquinho de paciência e criatividade, a gente faz milagre! :)

Abraços e até a próxima, querid@s!

Thiago S.

Se você gostou desse post, também vai gostar de:

Objetos de desejo: Mesa para Varanda

Como expliquei no post anterior, enquanto a obra no apartamento não pode de fato começar, vou dar prosseguimento a série “Objetos de Desejo”, uma espécie de catálogo de ideias que achei interessantes nas minhas andanças por aí, e que guardei com a intenção de buscar inspiração quando finalmente chegar a hora de decorar o apartamento.

Já que estávamos falando de mesas no post original, aproveito a deixa para falar um pouco especificamente sobre a da varanda, que pode fazer toda a diferença nesse ambiente que é muitas vezes deixado um pouco de lado por quem está se mudando ou renovando a casa.

Bem, em primeiro lugar, vamos lembrar que não estamos lidando com nada parecido com algo assim:

Até porque uma varanda dessas com certeza não seria “deixada de lado” por ninguém, né? ;) Então, se você é um dos felizardos que dispõe de uma dessas, aproveite-a!, mas esse post definitivamente não é para você! ;)

Vamos falar de mesas que caberiam em espaços bem menores; para pessoas que não tem tanto espaço na varanda. Ou seja, a realidade da grande maioria dos novos empreendimentos que são lançados todos os meses por aí. Para vocês terem noção do espaço que terei, essa aí embaixo é a planta baixa do apartamento, focando especificamente na varanda.

Não é nem de longe um varandão, mas dá para brincar com algumas ideias. A largura é a mesma da sala de estar, então caberia pelo menos uma mesinha com uma cadeira e um vaso de planta do outro lado; ou talvez só a mesa mesmo, com duas cadeirinhas.

Então, vamos à algumas possibilidades…!

Como o espaço não é grande, o ideal é que seja uma mesa mais alta como essa, como uma mesa de bar, um bistrô, pois elas são assim cumpridas, não ocupando muito espaço. Há diversos modelos com materiais diferentes, como veremos a seguir, mas acho assim com pedras mosaico muito charmoso. Outros exemplos são os seguintes:

Achei essa última em especial muito linda, mas notem que as cadeiras que a acompanham ocupam mais espaço que a própria mesinha em si. E essa não é muito alta, o que seria perfeitamente aceitável no caso de varandas assim, com grades vazadas, mas não no caso da minha varanda, que é assim, como pode-se ver na capa da revista Minha Casa desse mês (pode clicar para ampliar).

Nesse caso, mesas e cadeiras mais baixas comprometeriam a vista, tendo assim que ser descartados… assim como esses aqui bem legais, com tampos de mosaico e de vidro.

Para alguns, pode ser uma ótima solução! Para mim, se as mesas fossem só mais altas, seriam perfeitas. Considerando entretanto que algumas lojas especializadas fazem o serviço sob medida, essa pode ser uma solução interessante!

Há também opções com outros materiais:

Creio, entretanto, que alguns desses materiais não sejam muito apropriados para ambientes externos, sujeitos à ação direta do tempo. Como madeira em geral não combina bem com água, tanto a primeira (que tem tampo em MDF) quanto a segunda seriam escolhas duvidosas para um ambiente sujeito à chuvas.

Esse modelo modernoso pode ser encontrado em diversas lojas online como o Extra.com.br ou pontofrio.com.br , em diversas cores. Mas também acho que sejam mais apropriados para ambientes internos.

Já essa é uma opção bem interessante. Lembrando que ferro, para ambientes externos, precisa ter um bom acabamento anti-ferrugem. E vidro precisa ser sempre usado com cautela, pois precisa ter uma base firme. De outra forma, você vai ter que sair correndo sempre que bater uma ventania…

Já essa próxima, de alumínio, pode até ser apropriada para varandas, mas honestamente não me enche tantos os olhos quanto as primeiras lá em cima, concordam? Ela é encontrada em lojas como a Etna.

Bem, considerando todas essas opções que mostrei aqui, uma que se aproxima bastante do que acho que estou procurando seria esta:

Um bistrô de ferro (com proteção anti-ferrugem!), composto por tampo em mosaico; com 1,10 de altura, e bancos de 70cm cada. Achei esse bem bonito, alegre e interessante. Encontrei esse no Mercado Livre, através do vendedor PIERREJEANPINTOR. Ele é de São Paulo, mas entrega para todo o Brasil, e, o melhor…. faz mosaicos personalizados. Vou torcer para que ele faça um mosaico idêntico ao daquele da foto lá em cima, nas medidas que preciso… Iria ser perfeito!

Bem,espero que tenham gostado da seleção. É difícil até selecionar, com tantas opções que são disponibilizadas por aí!!

Até mais pessoal, um abraço… Thiago.

Se você gostou desse post, vai querer ver o resultado da mesa da varanda aqui: