Objetos de desejo: Espelhos Decorativos para Salas

Ei pessoal! Retornamos essa semana à mais um capítulo da série “Objetos de Desejo” (que já reuniu diversas opções legais de mesas de jantar, mesa para varandaracks, lustres e  pendentes e etc. ). Depois de muita procura e pesquisa, tanto pela net quanto em lojas físicas, chegou a hora de me decidir sobre um item-chave da sala de jantar: o espelho. Nesse post, reunirei então algumas das ideias que considerei ao escolher o meu espelho da sala.

Atualmente, pode-se facilmente observar que o espelho está onipresente na decoração dos ambientes, seja em revistas, lojas ou sites de decoração. Ele pode aparecer em diversos formatos e tamanhos, com diferentes acabamentos e molduras (ou até mesmo sem elas). Isso se dá, muitas vezes, pois ele contribui como forma de contornar o fato de que os apartamentos e casas estão cada vez menores; se bem utilizado, o espelho pode dar uma sensação de espaço (e conforto) que nenhum outro item traria para o ambiente.

Como as possibilidades são inúmeras, vamos primeiro falar sobre o famoso acabamento bisotado, que pode aparecer de formas diferentes. Essencialmente, ele é assim:

Para ficar claro, um exemplo de como ficaria um espelho grande com esse acabamento:

Reparem o bisotado nas bordas do espelho. Esse tipo de bisotado, de 2cm, pode ser usado com ou até mesmo sem moldura. Particularmente, eu acho que peças maiores como essas aí de cima pedem uma moldura maior que o bisotado de 2cm. Acho que valoriza mais o espelho.

Agora olhem o efeito bisotado em peças menores, creio que fica bem mais interessante:

Podem ser feitas diferentes composições com esses quadrados. Aí vai da criatividade de cada um. Temos desde painéis que vão quase do chão ao teto….

… e outros mais simples como esse.

Para peças maiores, o recomendável é mesmo moldura ou então um bisotado mais largo como esse (créditos ao site http://arquiteturaoggi.blogspot.com.br/)

Como vocês podem ver, nesse caso, o próprio acabamento bisotado funciona perfeitamente como moldura, encarecendo valorizando bastante a peça.

Temos também composições com espelhos sem o acabamento bisotado (muito vendidas em lojas como a ETNA, Leroy Merlin e Tok & Stok). Elas são práticas, muitas vezes no estilo “cole você mesmo/a”, e são boa oportunidade para exercer a criatividade.

Na ETNA uma vez vi uma dessas composições:

Num outro site, vi a seguinte composição, feita pela arquiteta Gabriela Dardis, desta vez com espelhos em formato circular:

Na ETNA e na Tok&Stok, o preço de 4 quadradinhos/bolas/hexágonos (elas vem numa caixinha) fica em torno de R$25-30. Deem uma olhada nesse link da ETNA caso tenham interesse. Assim, uma composição como a dos quadradinhos sairia por volta de R$200; já uma maior como essa dos círculos sairia por algo em torno de R$400. Geralmente é bem mais em conta que uma placa com efeito bisotado ou com moldura.

Há outros modelos sem bisotado, como esse da ETNA em forma de ondas. Estava por R$89 cada peça (na foto a composição tem 3).

Por fim, a outra opção que tinha eram os espelhos com moldura. E haja moldura! São tantas e tantas opções, com diversos tipos de materiais, uma mais linda que a outra. Geralmente, quando temos uma moldura no espelho, ele não leva o bisotado (não só porque o bisotado já é em si uma moldura, mas também porque pode ser muita informação).

Se passarem numa loja como eu fiz, preparem-se para gastar algumas horinhas, porque você provavelmente não vai conseguir decidir-se tão cedo. Até eu, que já tinha me “decidido” do que queria, acabei demorando bastante.

Agora, vou deixar para exemplificar o espelho com moldura com o meu próprio espelho (já adiantando qual tipo de espelho escolhi no fim das contas) no meu próximo post, assim que o rapaz vier colocar ele no lugar. Estou doido para ver o resultado, especialmente pra ver se ele vai atingir o propósito que eu queria!

Até breve!!

Thiago

Se você gostou desse post, leia mais sobre o uso de espelhos no blog: